A importância do exame de audiometria na saúde auditiva

Essa avaliação é essencial para monitorar e preservar a saúde auditiva, permitindo intervenções precisas para melhorar a qualidade de vida das pessoas afetadas por dificuldades auditivas.

Marcelino Matos em Tempo de leitura: 4 minutos
A importância do exame de audiometria na saúde auditiva

O exame de audiometria é uma avaliação fundamental para analisar a capacidade auditiva de um indivíduo. Realizado por um profissional especializado, como um otorrinolaringologista ou um fonoaudiólogo, esse procedimento tem o objetivo de detectar problemas de audição e determinar seu grau de intensidade.

Os resultados são registrados em um gráfico chamado audiograma, que mostra as habilidades auditivas do paciente em diferentes frequências sonoras. Esse exame é essencial para diagnosticar problemas de audição, desde dificuldades leves até perdas auditivas mais significativas, permitindo a recomendação de tratamentos adequados, como o uso de aparelhos auditivos, quando necessário.

Como funciona o Exame de Audiometria?

O exame de audiometria é realizado para avaliar a capacidade auditiva de uma pessoa. Existem duas formas principais de audiometria: tonal e vocal.

  1. Audiometria Tonal: Neste teste, o paciente é exposto a uma série de sons de diferentes frequências, que variam de agudos a graves. O objetivo é determinar a menor intensidade sonora que o paciente consegue ouvir em cada frequência testada. Geralmente, o paciente utiliza fones de ouvido e responde indicando quando ouve os sons, seja por meio de um botão ou sinal indicado pelo examinador.
  2. Audiometria Vocal: Nesse teste, o paciente é solicitado a repetir palavras ou frases que são reproduzidas por meio dos fones de ouvido. Isso avalia a capacidade do paciente em compreender e repetir a fala humana em diferentes intensidades sonoras.

O exame é conduzido em uma sala silenciosa ou cabine acústica para minimizar interferências externas. O paciente utiliza fones de ouvido conectados a um audiômetro, um equipamento que emite os sons de teste em diferentes frequências e intensidades.

Durante a audiometria, o profissional ajusta os sons e registra as respostas do paciente em um gráfico chamado de audiograma. Esse gráfico mostra os limiares de audição do paciente, ou seja, as intensidades mínimas nas quais ele consegue ouvir os diferentes sons.

👀 Leia também   Cera no ouvido (cerume): o que é, importância e como limpar

Além disso, em alguns casos específicos, pode ser utilizado um dispositivo vibratório que é colocado sobre o osso atrás da orelha para testar a condução óssea do som.

A audiometria é um procedimento seguro, indolor e não invasivo, mas requer a cooperação do paciente para garantir resultados precisos. É importante seguir as instruções do profissional para obter uma avaliação precisa da saúde auditiva.

Para quem a Audiometria é recomendada?

A audiometria é indicada em diversos casos, desde dificuldades auditivas percebidas pelo paciente, como dificuldade em compreender conversas ou zumbidos no ouvido, até situações específicas, como exames de rotina para profissionais que lidam com ruídos intensos em seus ambientes de trabalho.

A audiometria é recomendada para diversas pessoas em diferentes estágios da vida e em variadas situações:

  1. Crianças em idade escolar: Quando há suspeita de dificuldades de aprendizado, concentração ou comportamento que possam estar associadas a problemas auditivos.
  2. Adultos e idosos: Quando há percepção de dificuldade em compreender conversas, zumbidos no ouvido, sensação de ouvido tampado ou qualquer outra dificuldade auditiva.
  3. Profissionais expostos a ruídos intensos: Trabalhadores que lidam com ruídos elevados em seus ambientes de trabalho, como operadores de máquinas, músicos, operadores de equipamentos industriais, entre outros.
  4. Exames de rotina: Em algumas situações, a audiometria pode ser incluída como parte de exames de rotina ou pré-admissionais em empresas para avaliar a saúde auditiva dos colaboradores.
  5. Avaliação médica geral: Pode ser indicada como parte de uma avaliação médica completa, especialmente quando há suspeita de problemas de audição não identificados previamente.

Ao identificar problemas auditivos, a audiometria possibilita a recomendação de tratamentos adequados, que podem incluir desde a indicação de aparelhos auditivos até intervenções médicas específicas, conforme a necessidade de cada caso.

👀 Leia também   Surdez Súbita: o que é, sintomas, causas e características

A audiometria desempenha um papel crucial na detecção e no monitoramento de problemas de audição, contribuindo para a melhoria da qualidade de vida das pessoas afetadas por dificuldades auditivas. É um procedimento simples, porém altamente informativo, que permite intervenções precisas e adequadas para garantir uma melhor saúde auditiva.

Esse site trabalha com cookies 🍪 para melhorar as informações e a navegação dos nossos usuários, mas não armazena nenhum tipo de informação pessoal.